quinta-feira, 27 de maio de 2010

Alice no País das Maravilhas

Assisti ao filme "Alice no País das Maravilhas", nova viagem cinematográfica de Tim Burton. Antes de mais nada é preciso lembrar que apesar do nome e de grande parte dos personagens serem os mesmos, a história é uma espécie de continuação do clássico de Lewis Caroll.

O filme chama mais atenção pelo belíssimo visual e pela quantidade de efeitos de qualidade do que pelas peripécias da moçoila Alice, agora com 19 anos, que é recrutada pelos habitantes do subterrâneo para liderar o exército da Rainha Branca contra a Rainha de Copas, e segundo as profecias do País das Maravilhas, matar uma terrível criatura. Tudo isso quando se encontrava em vias de receber uma proposta de casamento. A história em si é bem característica das maluquices de Burton, o que nesse caso não é uma crítica negativa.

A sensacional atuação de Johnny Deep, como o divertido chapeleiro louco, acaba fazendo com que o seu personagem vire o protagonista, enquanto a Alice de Mia Wasikowska deixa um pouco a desejar.

Vale destacar que a junção dos atores com os personagens computadorizados funciona perfeitamente. O cachorro Bayard e o Gato Risonho roubam a cena. Helena Bonham Carter e Anne Hathaway encarnam respectivamente a Rainhas de Copas e a Rainha Branca, ambas espetacularmente irritantes, no bom sentido é claro. É hilário ver a Rainha de Copas gritando: "Off with his Head!!!"

O filme tem criado muita expectativa em quem ainda não assistiu, decepcionou alguns e superou as expectativas de outros. Eu achei apenas mediano mas já adianto que é bom assistir lembrando que se trata de um filme de Tim Burton e que portanto é possível esperar qualquer tipo de reação do espectador. Assistam e opinem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar do RODZ ONLINE. Não deixe de seguir. Sua visita e comentários mantem o blog vivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...